Black Friday deve crescer 35% no nível de reclamações em 2017

O Reclame AQUI analisou em quantas reclamações o termo “Black Friday” apareceu no site. E percebeu que este número pode subir 35% na edição 2017.
Para chegar neste número, o Reclame AQUI considerou as reclamações realizadas de janeiro a agosto de 2016 em relação a este ano. A Black Friday apareceu em 4 mil queixas neste período no ano passado, contra 5,4 mil deste ano.
Como o maior evento de megapromoções do e-commerce acontece no fim de novembro, as reclamações disparam a partir de outubro e seguem em alta um mês depois. Mesmo assim, durante todo o ano é possível identificar queixas com o termo Black Friday.

O mês de janeiro é importante para revelar problemas enfrentados pelos consumidores com as compras da Black Friday. Em 2016, foram feitas 2.742 reclamações sobre o assunto, contra 3.524 queixas realizadas em janeiro deste ano, um aumento de 28%.

Últimas edições da Black Friday

Nessa última edição, foram registradas 21,6 mil reclamações de novembro de 2016 a janeiro de 2017. Um aumento de 21,6% com relação ao mesmo período de um ano antes, quando foram computadas 17,8 mil.

Em 2015, só o mês de dezembro representou 55% de todas as reclamações no ano com o termo Black Friday. Novembro ficou com 20%. Um ano depois, o cenário ficou muito semelhante, quando 24% das queixas sobre a data ficaram em novembro e 57% no mês de dezembro.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com