Delegado solicita doação de carros forte apreendidos

Delegado solicita doação de carros forte apreendidos. De acordo com Vinicius Domingos, que é o solicitante, os veículos eram da empresa Trans-Expert.

Essa transportadora é citada nas investigações da Operação Calicute, que levaram à prisão o ex-governador Sérgio Cabral. O delegado é o responsável pela Delegacia de Combate às Drogas. Ao todo, 10 veículos passariam a integrar o patrimônio do Estado.

A força-tarefa apura se o ex-governador e o grupo comandado por ele usavam a Trans-expert como uma espécie de banco paralelo para guardar o dinheiro da propina. Em junho de 2015, um incêndio atingiu a sede da transportadora de valores na Zona Portuária do Rio.

No documento enviado ao juiz, o delegado afirma que a empresa está abandonada assim como os veículos blindados, que estão em um galpão. Para justificar a doação, ele cita o real “estado de guerra urbana” em que se encontra a cidade. Além da crise financeira que assola o estado, e a precariedade da segurança pública.

Já o delegado Carlos Alberto Abreu Filho, assistente da 14ª DP (Leblon), pediu ao juiz Marcelo Bretas, da 7ª Vara Criminal e responsável pelos processos da Laja Jato no Rio, a doação de matérias básicos para o atendimento à população.  Os produtos seriam grampos, canetas, papel, e até impressoras.

 O juiz Marcelo Bretas encaminhou os dois pedidos ao Ministério Público Federal.

Deixe uma resposta