Tirar passaporte no Brasil pode ficar mais fácil

Agora o ato de tirar passaporte é de cada cartório. A medida que autoriza os cartórios a prestar esse serviço foi anunciada no dia 26 de janeiro pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ). Depois dessa data vários cartórios já fizeram o pedido.

No  caso de RGs, é necessário que a associação local formalize convênio com a Secretaria de Segurança Pública (SSP) de cada estado. Primeiro, esse benefício será usado no Distrito Federal. Depois será adotado em outros estados.

Mudança não atinge credibilidade do passaporte brasileiro

Antes da mudança, para tirar o passaporte, é necessário agendar o atendimento pela internet em postos da Polícia Federal. Além disso, também paga uma guia de recolhimento.

O juiz auxiliar da corregedoria Marcio Evangelista deixou claro que a medida não atinge a confiabilidade do passaporte brasileiro.

Nesse novo local de emissão também será possível pedir autorização para a renovação dos passaportes pelos cartórios de registro civil. Mas o cidadão terá que desembolsar uma taxa extra.

Deixe uma resposta