Dispara o número de PMs do Rio que pedem pra sair

O ano de 2016 foi o que mais registrou desligamentos de PMs do Rio de Janeiro. Foram 100 policiais militares contra 59 em 2015, o que representa um aumento de 70%. 

Também cresceu a quantidade de pedidos de aposentadorias nos últimos dois anos. É o maior desde 2012. O motivo desse apagão militar é a falta de infraestrutura, salários atrasados, gratificações que não chegam. Vale lembrar também a quantidade de policiais mortos no RJ em 2017 já se aproxima de 100.

PMs do Rio estão frustrados com a situação da corporação

“Quando eu era bem novo era sonho meu ser policial. E meu sonho era, que loucura, eu queria ser oficial da PM. Quando entrei me senti um peixe fora d’água. Não é bem como falam que é”. Foi o que declarou um ex-policial militar do Rio que depois de seis anos na corporação pediu pra sair.

Enfim, é um descontentamento agravado pela crise financeira do estado que tem impacto direto na atividade policial. A Polícia Militar reconhece a crise. Quatro mil PMs foram aprovados em 2014, mas ainda não foram contratados por falta de dinheiro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com