Sindicato dos Motoristas de Táxi tem recurso contra Uber negado pelo TJRJ

O Sindicato dos Motoristas de Táxi do Rio tiveram o pedido de de antecipação de tutela em Ação Civil Coletiva negado, por desembargadores da 9ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro (TJRJ).

A solicitação de modificação da decisão do juízo da 37ª Vara Cível, dizia que a postura do Uber era ilegal e abusiva na concorrência com os táxis no transporte de passageiros.

Os desembargadores viram que se voltassem atrás e anulassem a liberação temporária do aplicativo, teriam efeitos caótico no cenário jurídico, que influenciariam outras decisões contrárias.

Deixe uma resposta