WhatsApp: quem sair de grupo várias vezes não poderá mais ser incluído

Agora ficará difícil adicionar usuários que já tenham desistido de participar desses chats coletivos antes, por diversas vezes. A empresa responsável pelo aplicativo Whatsapp anunciou a criação de um recurso para proteger quem não quer receber essas mensagens. A novidade entrou em vigor nesta terça-feira, dia 15.
O WhatsApp não explicou, porém, quantas vezes o indivíduo terá que deixar o grupo ao qual foi adicionado até que se entenda que ele não quer participar do grupo.

WhatsApp dá autonomia aos administradores dos grupos

Agora também será permitido aos administradores criar uma descrição do grupo. Assim como criar regras de convívio e citar assuntos importantes discutidos naquele espaço. Essas informações serão as primeiras a serem exibidas aos novos participantes de um grupo, ou seja, virão no topo da conversa.

Além disso, outras mudanças vão garantir mais autonomia aos administradores. Eles poderão restringir que usuários poderão alterar um assunto, uma imagem ou a descrição do grupo.

Os administradores também poderão retirar as permissões para que outros integrantes administrem o grupo. E quem criar o grupo não poderá mais ser removido do chat coletivo.

Deixe uma resposta