Cine Dialogado – Crítica ‘Os Smurfs e a Vila Perdida’ (2017)

Terceiro filme da franquia, ‘Os Smurfs e a Vila Perdida‘ chega aos cinemas dia 6 de abril em versão feita em animação 3D. Depois de abandonar o formato live-action devido à queda de desempenho nas bilheterias, a trama vem focada na pequena Smurfette.

Única menina do grupo, segue tentando descobrir qual é a sua missão no mundo. Ela se sente perdida diante dos outros amigos, com características e vocações tão marcantes.

A aventura começa quando Smurfette e seus amigos descobrem uma vila perdida. Em seguida desvendam também que a vila está correndo perigo, na mira do vilão Gargamel.

Cine Dialogado - Crítica 'Os Smurfs e a Vila Perdida' (2017)
Fonte: Reprodução da internet

O grupinho segue em uma disputa para avisar os habitantes desconhecidos sobre os riscos que estão prestes a enfrentar.

Os Smurfs e a Vila Perdida‘ tem o cenário todo detalhado. As fofuras coloridas, animais em florestas encantadas e a trilha harmonizam o contexto.

O filme foge à linha de ter que agradar o público adulto. Há também a ideia de evitar o exagero nas tiradas voltadas para pessoas mais velhas.

Poderia ser uma abordagem de sucesso, dedicado à crianças e a fantasia. Isso se o enfoque nas piadinhas,e os personagens não estivessem quase no mesmo ritmo do início ao fim.

Isso desgasta os pequenos, que se distraem com facilidade. E mais ainda aos pais que já estão totalmente fora da abordagem do filme.

Os Smurfs e a Vila Perdida: Fantasia e temas relevantes

A mensagem do longa é válida, e pode levar à discussão entre os pequenos e familiares sobre muitas passagens. Diante da fase de constantes mudanças que as crianças passam, é possível utilizar como exemplo para ilustrar.

Ainda assim, poderia ter sido melhor aproveitado, e ir além do “fofo”. A geração atual capta informação muito mais rápido, e enjoa com mais facilidade ainda.

O filme poderia ter fisgado a atenção do início ao fim, se explorasse esses pontos com mais critério. Fugir do previsível, com tiradas de humor inteligente seria perfeito.

Se vale assistir? Sim! Smurfs são fofinhos e os pequenos vão amar. Mas não saia desapontado se rolar algum cochilo. Ou se as crianças de sete aninhos para cima começarem a ficarem dispersas em algum momento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com