TJRJ abre licitação no valor de R$ 1,2 milhão para compra de água

No último dia 13, o presidente do Tribunal de Justiça do Rio (TJ-RJ), desembargador Luiz Fernando Ribeiro de Carvalho, autorizou a abertura de processo licitatório para a compra de água mineral para os magistrados, num custo total de R$ 1.239.605,41 aos cofres do Judiciário.

Na autorização, porém, o desembargador não informou a quantidade e nem por quanto tempo a compra abastecerá o estoque de água do Tribunal. A compra deverá ser feita por pregão eletrônico. Com a autorização, os servidores do Judiciário que temem os reflexos da crise financeira que afeta o estado do Rio reagiram imediatamente:

“(A compra) é só para os desembargadores, o que é imoral. O valor é desproporcional. Por que não instalam filtros de água, como fazem em algumas serventia pelo estado?”. questionou Alzimar Andrade, coordenador-geral do Sindicato dos Servidores do Judiciário do Rio (SindJustiça-RJ).

Deixe uma resposta