Dor de garganta também pode ser sinal de grave doença, veja

A dor de garganta é o principal sintoma da faringoamigdalite. Essa doença é uma inflamação que atinge a faringe e as amigdalas. 

Em grande parte dos casos, essa doença é de origem viral. Porém, quando causada por bactéria – em especial o estreptococo do grupo A (pyogenes) – o quadro se estreita. Isso porque quando não é tratada adequadamente, pode causar sérias sequelas.

A faringoamigdalite estreptocócica atinge com mais frequência as crianças. Por causa disso é recomendado um alerta maior aos pais para reclamações dos filhos sobre dores de garganta. Visto que um tratamento incorreto pode comprometer para sempre a saúde do pequeno, já as sequelas podem atingir o funcionamento do coração.

Se uma pessoa de perto for diagnosticada com a doença, orienta-se a evitar o contato direto. Isso porque a bactéria pode ser transmitida por um aperto de mão, compartilhamento de copo, numa conversa ou até por gotículas de saliva ao falar.

O diagnóstico dessa doença é obtido com exames laboratoriais. Nele, é colhido um material da garganta e feito um teste de reação imunológica para detectar partículas da bactéria na amostra. Já o tratamento é com antibióticos por sete a dez dias.

Deixe uma resposta