Zigpay garante um consumo consciente com pagamento sem contato

O Zigpay é uma fintech que fornece cardápio, pedido e transações completamente virtuais para bares, eventos e restaurantes. A empresa atende 106 estabelecimentos e 106 mil usuários finais, recebendo um percentual por transação. Com a reabertura dos negócios de alimentação e entretenimento, o ZigPay garante pagamentos sem contato.

ZigPay foi criado em janeiro de 2017 pelos empreendedores Carlos LinoDavid PiresNérope Bulgareli e Yan Tironi. Assim sendo, o negócio pretende levar consciência e digitalização ao consumo em bares e eventos. As transações são feitas por sistemas como NFC QR Codes, de forma pré-paga (carregando uma comanda virtual) ou pós-paga (escaneando na saída). Além disso, a solução também está integrada com apps de delivery.

Os clientes não precisam passar pelo caixa ou falar com o garçom para pagar suas bebidas e comidas. E como consequência, esse método gera um aumento médio de 40% no consumo e uma redução média de 30% no custo operacional. Além do mais, a digitalização dos pagamentos também leva inteligência para a operação e para o relacionamento com os clientes.

Um dos criadores da fintech, Carlos Lino, conta que a ideia veio da observação de como as baladas funcionam. “Os sistemas usados hoje são os mesmos de quando eu ia para a balada. Acidentes acontecem porque as boates têm de montar estruturas fortes para as pessoas não saírem sem pagar“, conta.

A fintech atende geralmente bares e eventos de grande porte, mas os benefícios são aproveitados principalmente em negócios de porte menor. E a solução, ganhou mais importância em tempos de isolamento social. “Mesmo na pandemia, tivemos demanda de casas aproveitando o fechamento temporário para trocar seu sistema de pagamentos“, explica Lino.

Ademais, a fintech ainda não desenhou suas novas metas para 2020. Mas garante que as métricas serão definidas quando os estabelecimentos reabrirem.

Deixe uma resposta