Cidadania

Causa da reciclagem na pandemia é urgente

Bruno Albuquerque
Escrito por Bruno Albuquerque em 18 de março de 2021
Causa da reciclagem na pandemia é urgente

A causa da reciclagem na pandemia é uma preocupação real para sociedade. Com uma grande parte da população em esquema de “home office”, o aumento do lixo produzido nas residências é considerável. No entanto, o reaproveitamento de matérias ainda é tabu no país.

Segundo a Associação Brasileira de Empresas de Limpeza Pública e Resíduos Especiais (Abrelpe), temos um crescimento de cerca de 28% do material coletado só em lixo domiciliar. Foram consultados diversos munícipios das regiões brasileiras que juntos fazem parte de 60% da limpeza urbana no país. O balanço foi feito com exclusividade para o Estadão.

Em 2020, o Estadão criou uma campanha para conscientizar a população sobre a causa da reciclagem na pandemia. A #desafioverde convida a população a criar posts no Instagram e TikTok, que demostrem boas ações para o meio ambiente. Conforme o previsto, mais de 200 seguidores mandaram vídeos. Como por exemplo, a atriz Larissa Manoela que rapidamente entrou na iniciativa.

Causa da reciclagem na pandemia, segundo especialistas

No Brasil, estima-se que 80% do lixo foi coletado por cooperativas de reciclagem e catadores. Neste último grupo, o impacto da pandemia é cruel. A professora Valéria Bastos, autora do livro Profissão: Catador, um estudo da construção identitária, afirma que no primeiro semestre de 2020 cerca 90% dos catadores paralisaram as atividades. Sobretudo, ela relata que a necessidade da higienização impactou bastante a coleta e triagem do conteúdo coletado.

Segundo Valéria, uma parte dos trabalhadores dependeram de iniciativas solidárias para conseguir recursos de higiene pessoal e de alimentação. Além disso, o auxílio emergencial não conseguiu chegar à todos, afinal nem todos têm acesso à internet para fazer o cadastro. Por fim, ela diz que esse segmento de trabalhadores informais é invisível para maior parte da população e principalmente para o Estado.

Hey,

o que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Quem Somos

“Nosso foco é informar com senso crítico tudo o que existe de mais importante na área da segurança, saúde, emprego e do ir e vir do cidadão brasileiro.”