Cidadania

Escolas municipais podem retomar aulas presenciais

Nariene da Silva Xavier
Escrito por Nariene da Silva Xavier em 19 de fevereiro de 2021
Escolas municipais podem retomar aulas presenciais

As escolas municipais do Rio de Janeiro divulgaram no último dia 17, a lista das 38 escolas que retomarão as aulas presenciais no próximo dia 24. Essas escolas, de acordo com a pasta, atenderam aos critérios de infraestrutura e sanitários necessários para que possam novamente receber os alunos em salas de aula. Os critérios para a volta às aulas presenciais foram divulgados na semana passada.

Entre as condições necessárias para o retorno estão o distanciamento de 1,5 metro entre as carteiras, as janelas ou portas que devem ser mantidas abertas, bebedouros adaptados com torneira para enchimento de copos e garrafas, disponibilização de álcool em gel e de máscaras para eventual reposição.

O cronograma de retorno, conforme calendário anunciado pela prefeitura do Rio, começa com a pré-escola, 1º e 2º anos do ensino fundamental, a partir do dia 24 de fevereiro.

No dia 17 de março, será a vez das turmas do 3º ao 5º ano do ensino fundamental, além do 6º e 9º ano. Na última fase, a partir de 31 de março, retomam as atividades de forma presencial as creches, as turmas do 6º ao 8º ano, Educação de Jovens e Adultos e Classe Especial. O ensino remoto começou no último dia 8, por meio da TV Escola.

O retorno às aulas presenciais não é obrigatório. A secretaria entrará em contato com os responsáveis pelos estudantes matriculados nas escolas que forem retomando as aulas. De acordo com o secretário municipal de Educação, Renan Ferreirinha, em uma coletiva de imprensa, dos 7.730 que poderão voltar às aulas presenciais na semana que vem, 4.401 já se manifestaram e, deles, 82% desejam retornar presencialmente. As aulas remotas serão mantidas e, segundo o secretário, aperfeiçoadas.

O secretário esclarece também que, caso haja o agravamento da pandemia , as escolas poderão ser novamente fechadas. Ele defende, no entanto, que a educação seja priorizada. “O que a gente vem colocando é que as escolas devem ser as últimas a serem fechadas e as primeiras a abrir”.

Hey,

o que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Quem Somos

“Nosso foco é informar com senso crítico tudo o que existe de mais importante na área da segurança, saúde, emprego e do ir e vir do cidadão brasileiro.”