Cidadania

Saiba quais são os serviços que funcionam no Natal

Suellen Christine Sales da Silva
Escrito por Suellen Christine Sales da Silva em 24 de dezembro de 2019
Saiba quais são os serviços que funcionam no Natal

Sempre há a dúvida dos serviços que funcionam no Natal. Assim, algumas instituições disponibilizaram o horário de funcionamento para facilitar a vida do cliente. Bancos, Correios e algumas lojas não funcionam no dia 25, mas transportes e saúde pública sim.

Segundo a Federação Brasileira de Bancos (FEBRABAN), não haverá expediente para os funcionários das agências no Natal, dia 25. No entanto, as contas com vencimentos para o dia 25 poderão ser pagas sem acréscimo no dia útil seguinte. Assim sendo, os tributos já estão com as datas ajustadas ao calendário de feriados, sejam federais, estaduais ou municipais.

Por outro lado, o sistema de pagamento de contas pelo telefone, o internet banking e os caixas eletrônicos estarão operando sem restrições. Já as agências dos Correios não abrem no dia 25, mas retornam o expediente no dia 26.

Quanto a abertura de estabelecimentos alimentícios, a Associação de Supermercados do Estado do Rio de Janeiro (Asserj) dá o direito do comerciante abrir ou não no dia 25.

Já os shoppings, como o Norte Shopping, o Plaza Shopping e o Uptown, no dia 25, terão as lojas e os quiosques fechados com a praça de alimentação e lazer com funcionamento opcional. Apesar disto, a Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) prevê o maior crescimento de vendas neste período do Natal. A estimativa é arrecadar R$35,9 bilhões, o que representa 4,8% a mais do que ano passado.

Transportes são serviços que funcionam no Natal

Os ônibus em Niterói e São Gonçalo terão, no dia 25, intervalos semelhantes ao de domingo. Nos dias 26 e 27 o horário será retomado, mas com uma redução de 20% da frota por conta das férias. Já no Rio de Janeiro, os ônibus funcionam em esquema de feriados com redução de frota. A Rio Ônibus garante que todas as linhas estarão nas ruas.

O BRT terá um planejamento especial durante as festas de fim de ano. O funcionamento dos corredores Transcarioca, Transoeste e Transolímpica será diferenciado. No dia 25, as linhas que irão circular são as que costumam rodar aos domingos.

Quanto aos trens, no dia 25, a circulação seguirá de acordo com os horários programados na grade de domingo para cada ramal. A operação nos dias 26 e 27 seguirá com os intervalos praticados nos dias úteis na parte da manhã, e terá readequação no planejamento operacional nos horários de menor movimento e no pico da tarde, após às 16h.

O metrô funcionará das 7h às 23h, no dia 25, com transferências nas linhas 1 e 2 sendo realizadas na estação Estácio. Nos dias 26 e 27 o horário é de 5h até meia-noite. Já o VLT Carioca funcionará com os intervalos de 10 a 20 minutos seguindo o mesmo esquema de fins de semana e feriados. Nos dias 26 e 27 os intervalos seguem o esquema normal de dias úteis, sendo de 7 minutos nos horários de picos.

A CCR Barcas estabeleceu que, no dia 25, os horários seguirão os de domingos e feriados. As linhas de Cocotá (Ilha do Governador) e Charitas não funcionarão.

Saúde no Natal

As unidades de Atenção Primária, policlínicas e ambulatórios dos hospitais não funcionam no dia 25. Já o Laboratório Municipal de Saúde Pública e o Pronto Atendimento da Fiscalização Sanitária estarão funcionando em regime de plantão. Em Niterói e São Gonçalo as unidades não vão funcionar, mas retornam no dia 26. Assim, as Prefeituras reforçam que as UPAS e Hospitais de Urgência estarão funcionando 24h.

Na Baixada Fluminense, as unidades de urgência e emergência, como UPAS, Maternidades e Hospitais terão funcionamento 24h. Mas, as Clínicas da Família e os Centro Municipais de Saúde estarão fechados e retornarão seu funcionamento no dia 26.

Hey,

o que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Quem Somos

“Nosso foco é informar com senso crítico tudo o que existe de mais importante na área da segurança, saúde, emprego e do ir e vir do cidadão brasileiro.”