Cidadania

Novo tipo de seguro automotivo ganha popularidade

Karen de Souza Venancio
Escrito por Karen de Souza Venancio em 24 de setembro de 2020
Novo tipo de seguro automotivo ganha popularidade

Com as medidas de segurança para evitar a propagação do novo coronavírus, evitar sair de casa e deixar o carro na garagem se tornou essencial. Nesse cenário, uma nova modalidade de seguro automotivo ganhou destaque entre os motoristas.

O seguro “pay per use” (pague pelo uso, em tradução livre) consiste em um serviço que calcula a quilometragem rodada pelo segurado a cada mês. Assim, o cliente paga uma taxa mensal e o valor corresponde à distância percorrida no período. Este tipo de seguro começou no Brasil em agosto de 2019, quando a Susep (Superintendência de Seguros Privados) permitiu a customização de planos de seguros com vigência reduzida de contrato e período inconstante.

De acordo com a startup de tecnologia Thinkseg, houve um aumento de 250% nas vendas dessa categoria de seguro no início do ano. Quando aparentemente, o coronavírus ainda não havia chegado ao Brasil. “O preço é o grande atrativo do produto diante da proteção ampla oferecida ao motorista. O seguro cobre acidentes, furto e roubo, de acordo com os valores previstos na tabela Fipe”, explicou o CEO do Grupo Thinkseg, Andre Gregori, ao portal Uol.

Incentivo à mobilidade urbana

O modelo pay per use pode ser vantajoso para além do período de pandemia. Segundo o levantamento feito, antes da pandemia, 86% dos clientes usavam o carro principalmente para atividades cotidianas, como ir ao supermercado, fazer compras ou visitar amigos e familiares. E durante o isolamento, os seguradores ainda realizavam as mesmas atividades, porém numa frequência menor.

“Se pensarmos nesse momento em que o trabalho remoto pode se estabelecer ou o home office ganhe ainda mais espaço nas agendas, teremos um cenário em que as pessoas poderão variar ainda mais seus meios de transporte no dia a dia e pagar de acordo com essas escolhas. Ou seja, o cliente que usar seu carro duas vezes por semana para ir ao escritório, por exemplo, vai pagar o seguro conforme quilometragem percorrida nesses dois dias”, afirma Érica Amorim, especialista em produto na Youse, na seguradora online.

Esse novo modelo de seguro automotivo, além de renovar o contexto tradicional dos seguros, permite que o cliente use menos o carro e escolha outros meios de transporte. Contribuindo assim, com o meio ambiente ao optar por utilizar uma bicicleta, por exemplo.

Hey,

o que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Quem Somos

“Nosso foco é informar com senso crítico tudo o que existe de mais importante na área da segurança, saúde, emprego e do ir e vir do cidadão brasileiro.”