Saúde

Entenda porque uma boa alimentação é essencial na quarentena

Bruno Albuquerque
Escrito por Bruno Albuquerque em 19 de março de 2021
Entenda porque uma boa alimentação é essencial na quarentena

Uma boa alimentação é essencial durante a pandemia de Covid-19. Além da necessidade de ficarmos em casa, uma alimentação nutritiva pode ajudar na imunidade. O Estudo NutriNet, uma plataforma que promove pesquisas sobre a alimentação, relata que as primeiras análises indicaram sinais positivos para o futuro. Inesperadamente, a análise indicou que houve um aumento do consumo de hortaliças e frutas durante a quarentena. Aos todo, a NutriNet entrevistou 10 mil pessoas ao redor do Brasil.

Contudo, não tivemos apenas boas notícias sobre a nossa alimentação. Apesar do crescimento do consumo de alimentos mais saudáveis, foi demonstrado que a ingestão de alimentos ultra processados cresceu nas regiões Norte e Nordeste do país, sobretudo em pessoas com escolaridade baixa. O primeiro estudo foi publicado na Revista de Saúde Pública, e teve como autores os pesquisadores do Núcleo de Pesquisas Epidemiológicas em Nutrição e Saúde (Nupens) da USP.

A falta de recursos da população mais pobre do país preocupa as autoridades. Segundo o IBGE, em um ano, os alimentos em geral sofreram com aumentos de 15% nos preços. Entretanto, com a elevação da ansiedade no país, a compulsão alimentar preocupa bastante. Pelo fato de estarmos em casa, o acesso fica fácil aos produtos ricos em gordura. O prazer imediato gerado pela ingestão pode acarretar em uma vontade de comer mais e mais. Nesse sentido, como podemos passar por esses obstáculos e conseguir uma alimentação saudável e econômica?

Dicas para alimentação responsável

Em um episódio do Podcast Seja Vivo, o nutricionista Daniel Ferrão explica o que é comer de maneira responsável. Acima de tudo, ele fala que uma boa alimentação é aquela que é financeiramente e fisicamente próxima ao consumidor.

O nutricionista dá a seguintes dicas:

  • Ir ao mercado com lista bem organizada de compras.
  • Similarmente, planejar os tipos de alimentos serão colocadas no refrigerador.
  • Optar por alimentos cozidos, evitar fritura e produtos gordurosos.
  • Sempre praticar exercícios físicos, principalmente dentro de casa.
  • E, não tenha medo de ousar, usa sua criatividade na cozinha.

Hey,

o que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Quem Somos

“Nosso foco é informar com senso crítico tudo o que existe de mais importante na área da segurança, saúde, emprego e do ir e vir do cidadão brasileiro.”