Saúde

Vacina anti-Covid para animais é aprovada na Rússia

Nariene da Silva Xavier
Escrito por Nariene da Silva Xavier em 3 de abril de 2021
Vacina anti-Covid para animais é aprovada na Rússia

A vacina anti-Covid para animais foi aprovada no último dia 31 na Rússia. O imunizante se chama Carnivak-Cov e é fruto de estudos clínicos iniciados em outubro de 2020, envolvendo gatos, cães, lobos do Ártico, visons e outras espécies carnívoras.

De acordo com o vice-presidente do Serviço Federal de Vigilância Fitossanitária e Veterinária, a vacina anti-Covid, Konstantin Savenkov, 100% dos animais vacinados nos testes clínicos desenvolveram anticorpos contra o novo coronavírus.

No entanto, os cientistas do órgão continuarão os estudos para determinar quanto tempo dura a imunidade. “Atualmente, o indicador é de pelo menos seis meses. A produção em massa da vacina por parte da maior plataforma de fabricação de medicamentos veterinários do país, o Centro Federal para a Saúde Animal, pode iniciar já em abril“, ressaltou Savenkov, ao site G1.

A vacina foi desenvolvida por uma filial da Rosselkhoznadzor, o Centro Federal de Saúde Animal, que está em contato com empresas de pelos de vários países europeus interessadas em comprá-la.

De acordo com a Rosselkhoznadzor, o desenvolvimento desta vacina foi “particularmente importante“, já que várias espécies animais são sensíveis à covid-19. Na Rússia, segundo a agência, dois casos de infecção em gatos foram registrados até agora, em Moscou e em Tyumen, na Sibéria. Em novembro, a Dinamarca decidiu sacrificar todos os visons porque suspeitava que os 15 milhões de animais fossem portadores e vetores de uma mutação do coronavírus que poderia ser problemática para os humanos.

Hey,

o que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Quem Somos

“Nosso foco é informar com senso crítico tudo o que existe de mais importante na área da segurança, saúde, emprego e do ir e vir do cidadão brasileiro.”