Chuvas no RJ: Capital tem previsão de chuva a partir da tarde desta sexta-feira

De acordo com o Alerta Rio, serviço meteorológico da Prefeitura, a formação de um sistema de baixa pressão próximo ao litoral do estado irá provocar instabilidade no tempo, até a próxima segunda-feira (18). Por consequência disso, haverá mudança no tempo a partir desta sexta-feira (15). Mudança essa que pode provocar chuva de moderada a forte, ou ainda assim sendo possível, chuvas muito fortes de modo isolado.

Há também alerta para ocorrência de raios e trovões, além disso, a mudança no tempo poderá provocar o surgimento de ventos de intensidade moderada a ocasionalmente forte. A previsão para esta sexta-feira (15), é de céu parcialmente nublado a nublado, passando a encoberto no final do dia, com pancadas de chuva moderada a forte, a partir da tarde, podendo ser acompanhadas de rajadas moderadas a fortes de vento e raios. A máxima prevista é de 33°C e a mínima 17°C.

No sábado (16), a instabilidade continua, devido ao sistema de baixa pressão. A previsão é de pancadas de chuva moderada a forte, acompanhadas de rajadas moderadas a fortes de vento e raios, a temperatura máxima prevista é de 28°C e a mínima de 20°C. Para o domingo (17), a previsão ainda é de chuva isolada, entretanto de intensidade moderada a qualquer momento, com o céu nublado a encoberto. A previsão é de máxima de 29°C e mínima de 21°C.

Na segunda-feira (18), a previsão é de pancadas de chuva com intensidade moderada, em pontos isolados, já durante a tarde o céu ficará nublado, com oscilação de temperaturas. Desse modo a máxima prevista é de 31°C e a mínima de 21°C.

Chuva da última quarta-feira (13) teve impacto menor do que o temporal do último dia (06)

Na última quarta-feira (13), o temporal que caiu na capital durante a madrugada não provocou tantos transtornos. Apesar dos avisos dados pela Prefeitura Municipal do Rio, para prevenir a cidade de maiores danos. Pessoas evitaram sair de casa para o trabalho, já outras se programaram de maneira diferente para evitarem maiores consequências.

Além da suspensão das aulas nas redes municipal e estadual, a Prefeitura chegou a fazer uma recomendação a FERJ (Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro), para que a partida entre Vasco da Gama x Resende, pela semifinal da Taça Guanabara do Campeonato Carioca fosse adiada. No entanto, como o adiamento foi inviável para a FERJ, houve acordo para que a venda de ingressos fosse suspensa, mas quem já havia comprado o ingresso anteriormente, acabou podendo comparecer ao estádio do Maracanã onde o jogo foi realizado.

Chuva forte do última quarta-feira (06) ainda causa transtornos em alguns pontos da cidade

O temporal que caiu sobre a cidade na quarta-feira (06), e provocou sete mortes em consequência de deslizamentos de terra, ainda gera consequências em alguns pontos da cidade. A Avenida Niemeyer por exemplo, segue interditada para trabalhos de limpeza da via, além de obras de contenção, a via está liberada apenas para circulação de moradores do Vidigal, assim como, para hóspedes dos hotéis localizados na região.

Por consequência da interdição da via que liga os bairros do Leblon a São Conrado, o trânsito na Autoestrada Lagoa-Barra apresentou um aumento da movimentação, gerando constantes congestionamentos. Eles provocaram reflexo no trânsito a partir do Elevado do Joá, na pista sentido Gávea, e a partir da Praça Sibélius na Gávea, na pista sentido Barra.

Além disso, ainda na Avenida Niemeyer, outro trecho da ciclovia Tim Maia, que já estava interditada desabou. O temporal do dia 06 vitimou sete pessoas, sendo uma na Rocinha, uma no Vidigal (ambas na Zona Sul), e outras três em Barra de Guaratiba (na Zona Oeste), além das duas vítimas que morreram dentro de um ônibus que foi soterrado enquanto trafegava pela Niemeyer.

Deixe uma resposta