Tecnologia

Tecnologia 5G: o novo padrão para dispositivos móveis

Nariene da Silva Xavier
Escrito por Nariene da Silva Xavier em 2 de abril de 2020
Tecnologia 5G: o novo padrão para dispositivos móveis

A tecnologia 5G é um novo padrão para dispositivos móveis que traz mudanças na forma como as pessoas utilizam esses aparelhos. Ela permite novas funcionalidades e um incremento significativo no número e na velocidade das conexões.

De acordo com a União Internacional de Telecomunicações, o 5G é uma nova tecnologia de transporte de dados em redes envolvendo dispositivos móveis. Especialistas apontam que essa inovação trará melhorias não apenas incrementais, mas na qualidade dos dados móveis.

A primeira tecnologia, 1G, tinha velocidade de 2kbit /s. O 4G garante tráfego de 1 Gbit /s. Já o 5G terá velocidade para baixar informações de até 100 1 Gbit /s. Enquanto a diferença na resposta na transmissão de dados era de 60-98 milissegundos no 4G, no 5G ela será reduzida para menos de 1 milissegundo.

Características da tecnologia 5G

A tecnologia 5G permite mais dispositivos conectados, aumenta a velocidade de conexão, permite o consumo de vídeos e áudios em tempo real (streaming) ou os jogos eletrônicos, diminui a reposta da conexão e tem maior capacidade de banda.

De acordo com o Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC), para o site Agência Brasil, o 5G é mais do que apenas uma melhoria das gerações anteriores.

“As redes móveis 5G proporcionarão serviços avançados de banda larga móvel, com taxas de dados mais altas, menor latência e mais capacidade, que possibilitarão enorme potencial para novos serviços sem fio de valor agregado”, concluiu o MCTIC.

Na avaliação do MCTIC, a tecnologia poderá contribuir também na produção. “O 5G será um componente chave para o aumento da troca desembaraçada de dados entre máquinas, instalações, humanos e robôs. Isso permitirá o desenvolvimento de uma logística inteligente, produção conectada de sistemas cyber-físicos e de comunicação máquina a máquina. A combinação dessas e de outras tecnologias possibilita o avanço industrial conhecido como ‘Indústria 4.0’”.

Quais são as perspectivas para essa nova tecnologia?

De acordo com a associação mundial das empresas que atuam no segmento móvel, a GSMA, a expectativa é que até 2025 haja 1,2 bilhão de conexões 5G no mundo. Em alguns países ela já passou a ser adotada, como nos Estados Unidos, na Austrália, China, Finlândia, no Reino Unido, na Coreia do Sul e Áustria.

Já no Brasil, a Anatel precisa concluir a consulta pública e definir o edital. Para que assim, as empresas interessadas em prestar o serviço possam se inscrever na disputa. A previsão já apresentada por autoridades indica a realização do leilão no fim de 2020. Quanto as empresas, essas terão as faixas de frequência para explorar serviços baseados na tecnologia, e caberá a elas fazerem o lançamento desses serviços.

Hey,

o que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Quem Somos

“Nosso foco é informar com senso crítico tudo o que existe de mais importante na área da segurança, saúde, emprego e do ir e vir do cidadão brasileiro.”